img-detalhe-blog-carta

CARTA AOS CLIENTES:
ÓTIMA NOTÍCIA PARA QUEM JÁ TEM E PARA QUEM AINDA NÃO TEM OFFSHOX

luis-haasPor LUIS HAAS, Diretor Comercial
.

A engenharia da OffShox está colhendo os frutos de um intenso processo de aperfeiçoamento com o desafio de deixar os amortecedores OffShox ainda melhores. O feito é o desenvolvimento do novo sistema de guia, mais simples, resistente e acessível, e que inaugura uma nova geração OffShox.
.
Graças à evolução de materiais e a padronização dos processos de fabricação, foi possível reduzir o tempo de produção, montagem e custo.
.
Como nosso diretor de engenharia Haroldo Soares diz:
“Atuamos internamente, como uma incubadora tecnológica. Não dá para ficar parado no tempo, todo o dia surgem novos materiais, novos fornecedores, e portanto novas soluções para melhorar um projeto. Foi assim que pensamos, quando nos lançamos no desafio.”
.
Para se ter uma ideia, o novo sistema de guia, tem menos peças e provou ser ainda mais resistente em todos os testes. E para chegar no alto nível tecnológico dos anéis, vedações e retentores, foi fundamental contar com a parceria de líderes mundiais em fornecimento de componentes de alta tecnologia para a indústria automobilística: a Sabó, a Parker e a Freudenberg.
.
Tudo foi testado e comprovado em laboratório e em campo, para honrar a tradição off-road da marca.
.
Os amortecedores OffShox, sempre foram testados em laboratório, antes de serem comercializados. E o novo sistema de guia também passou por rigorosos testes, primeiro internamente, e depois pela SGS, laboratório de verificação que é referência mundial em qualidade e integridade, e certificadora do INMETRO. Na SGS, os amortecedores passaram pelo ensaio de durabilidade.
.
O resultado, tecnicamente, foi que não houve vazamento de óleo com o amortecedor trabalhando até 3,5 milhões de ciclos numa temperatura de 110°C. Ou seja, os amortecedores resistiram o que corresponde a um uso de 80 mil km, trabalhando a uma temperatura 30º C mais alta do que os 80º C exigidos pela norma da ABNT 13308/2014, que prescreve os testes de durabilidade de amortecedores automotivos.
.
Na prática, para os usuários, significa que na resistência ao aquecimento, o resultado supera ao esperado, garantindo que os amortecedores OffShox podem enfrentar condições extremas de temperatura, como numa prova de rally no Jalapão, por exemplo.
.
Já estávamos obtendo resultados positivos em suspensões para rally de alta performance, com alguns dos novos componentes sendo utilizados em amortecedores de clientes que participaram de grandes competições, como no Rally dos Sertões, e agora está amplamente confirmado. O novo sistema de guia passa a ser aplicado em toda a linha OffShox, amortecedores para suspensão original FX5, para suspensão off-road modificada da série FX7 e nos kits lift.
.
Para completar essa boa notícia, não podemos deixar de falar do custo. A solução é realmente eficiente, e significa que podemos melhorar o preço dos nossos amortecedores tornando-os mais acessíveis para todos, off-roaders praticantes ou não.
.
Quem ainda não tem OffShox, tem mais um bom motivo para ter. Estão cada vez melhores. E, quem já tem, vai poder fazer o upgrade dos seus OffShox transformando-os para o novo sistema na próxima revisão que fizer.
.
img-carta-blog

Novo sistema de guia OffShox, mais simples e ainda mais resistente segundo teste de durabilidade do SGS, laboratório que é referência mundial em testes.
.
.

botao-encontrar-amortecedor